Aprenda com as crianças sobre o Reino de Deus

O que você pode aprender sobre o Reino de Deus com uma criança?

Se você respondeu nada, está enganado. Um dos principais ensinos de Jesus sobre o Reino de Deus envolveu uma criança.

“Eu lhes asseguro que, a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos céus.” (Mateus 18:3)

O que Jesus estava querendo dizer com isso?

Você já parou para pensar nas características das crianças?

Elas são imaturas, dependentes dos adultos, fazem birra, bagunçam o ambiente por onde passam e ainda são barulhentas.

Por outro lado, elas também são criativas, leais, acreditam nas pessoas que amam e perdoam com facilidade. Essas são as características essenciais para viver pela fé.

Aproveitando que outubro é o mês das crianças, hoje, vamos falar sobre o que podemos aprender com elas sobre fé.

Jesus ama as crianças

A Bíblia mostra mais de uma vez que Jesus usou uma criança para ensinar aos adultos princípios do Reino dos céus. Essa atitude marcou o Seu tempo porque deu destaque a um grupo que não era muito valorizado pela sociedade da época.

O povo também estava trazendo criancinhas para que Jesus tocasse nelas. Ao verem isto, os discípulos repreendiam os que as tinham trazido. Mas Jesus chamou a si as crianças e disse: “Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino de Deus pertence aos que são semelhantes a elas. Digo-lhes a verdade: Quem não receber o Reino de Deus como uma criança, nunca entrará nele.” (Lucas 18:15-17)

Jesus acolheu as crianças e mostrou como elas são importantes para Deus.

As crianças não são o futuro da igreja. Elas são o presente e necessitam aprender sobre Deus tanto quanto os adultos. Esse trabalho começa em casa, mas também acontece fora dela, principalmente, na igreja.

Seus filhos precisam conhecer o amor de Deus, descobrir a fé e entender como se relacionar com Jesus. O seu exemplo é fundamental para esse processo, mas você conhece de perto o Ministério com Crianças da sua igreja?

Aqui na Academia da Fé, o trabalho desenvolvido na AKD Kids é pensado para as crianças. O objetivo é ajudá-las a desenvolver a fé em Jesus para que experimentem um relacionamento íntimo com Ele.

As crianças são parte do Reino de Deus e podem ser usadas por Ele independentemente de sua idade. Por isso, precisamos investir na vida delas.

Jesus amava as crianças e era amado por elas. Essa é uma verdade que devemos repetir aos pequenos.

Quatro características das crianças que nos ensinam sobre o Reino de Deus

1. As crianças são criativas

Uma das características mais marcantes da infância é a criatividade.

As crianças gostam de ouvir e contar histórias. Elas constroem brincadeiras, dão significados diferentes aos objetos que já conhecem e conseguem enxergar as situações por um ângulo diferente dos adultos.

Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos. Pois foi por meio dela que os antigos receberam bom testemunho. Pela fé entendemos que o universo foi formado pela palavra de Deus, de modo que o que se vê não foi feito do que é visível.” (Hebreus 11:1-3)

Quando você é criativo, enxerga com a mente e o coração, e não com os olhos naturais. Isso é fundamental para andar em fé.

2. As crianças amam sem duvidar

Você já prometeu um presente especial de aniversário para o seu filho, neto ou sobrinho?

Se sim, deve ter percebido que ele não duvidou que você faria e ficou ansioso por esse dia. Ele tinha certeza de que o presente tão esperado estava chegando. Pode até ser que tenha perguntado algumas vezes se o dia do aniversário estava perto, mas, dificilmente, perdeu noites de sono sem saber se a promessa seria cumprida ou não.

As crianças são assim: elas acreditam sem duvidar. Essa característica é essencial para quem deseja viver pela fé. Deus é fiel e, quando Ele faz uma promessa, você pode descansar na certeza de que fará o que falou.

3. As crianças confiam em quem amam

Você já colocou seu filho ou sobrinho em um lugar mais alto e falou para ele se jogar?

Se você já teve essa experiência, viu que a criança se jogou nos seus braços sem medo nenhum. Ela agiu assim porque confia na sua palavra, te conhece e sabe que você nunca vai deixá-la cair.

Quando você traz esse exemplo para a sua relação com Deus, entende que Ele é como o adulto dessa imagem. A diferença é que o pai humano pode até falhar, mas Deus nunca falha. Ele é perfeito e você pode se entregar aos Seus cuidados sem reserva.

4. As crianças não guardam mágoa

Quando você era pequeno e brigava com o seu irmão, o que fazia cinco minutos depois?

É mais fácil você responder que estavam brincando juntos de novo do que afirmar que nunca mais se falaram novamente.

Isso acontece porque crianças perdoam com muito mais facilidade do que os adultos. Para elas, não é difícil seguir o exemplo de Deus e jogar as falhas do outro “no mar do esquecimento”.

Quem é comparável a ti, ó Deus, que perdoas o pecado e esqueces a transgressão do remanescente da sua herança? Tu que não permaneces irado para sempre, mas tens prazer em mostrar amor. De novo terás compaixão de nós; pisarás as nossas maldades e atirarás todos os nossos pecados nas profundezas do mar.” (Miquéias 7:18-19)

Para as crianças, não importa quantas vezes o outro a magoou. O que importa é brincar junto.

O que você pode aprender sobre fé com as crianças hoje?

Você já olhou para uma criança e pensou no que poderia aprender com ela?

Provavelmente, você vai dizer que não. Porém, quando olhamos para os pequenos, percebemos que eles têm habilidades que perdemos ao longo da vida, mas que tornariam nossa relação com a fé mais fácil.

Ser criativo, confiar e depender de Deus e perdoar com facilidade são habilidades naturais das crianças que fazem toda diferença na vida de um adulto que decide viver debaixo da vontade de Deus.

Quando olhamos para as crianças, é fácil focar na bagunça que elas fazem. Contudo, Jesus nos convida a ser como elas. Ele nos mostra que elas são importantes no dia de hoje e, por isso, precisam ser cuidadas, amadas e ensinadas sobre o caráter dEle.

Gostou do conteúdo? Compartilhe e abençoe a vida de alguém!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *