Três maneiras de servir na igreja

3 maneiras de servir na igreja

Quando você entra em uma igreja, quem é a primeira pessoa que você vê?

É muito provável que não seja o pastor, os músicos ou o professor das crianças. Geralmente, a primeira pessoa que você encontra é o voluntário que abre a porta para receber quem chega.

Independentemente do tamanho de uma igreja, a presença dos voluntários na recepção é muito marcante, e essa é uma função que todas as igrejas têm em comum.

Quando você entende o amor de Deus por você, servir se torna uma atitude natural. Além disso, quando você serve na igreja, compartilha um pouco do que Deus fez na sua vida, seja por meio de um sorriso, de um abraço ou de um simples “seja bem-vindo”.

Por que servir na igreja?

A Igreja é o corpo de Cristo formado por aqueles que aceitaram Jesus como seu Salvador. Apesar de haver reuniões em um endereço, a Igreja não é um prédio. Ela é formada por pessoas com qualidades, habilidades e defeitos diferentes.

Veja o que diz 1 Coríntios 12:5-6:

“Existem maneiras diferentes de servir, mas o Senhor que servimos é o mesmo. Há diferentes habilidades para realizar o trabalho, mas é o mesmo Deus quem dá a cada um a habilidade para fazê-lo.”

Jesus, apesar de ser o maior exemplo de liderança de todos os tempos, também era servo. Sua posição como Deus-homem não o impediu de servir aos seus discípulos e a nós com tudo o que Ele era.

Você se lembra do que Jesus fez pelos discípulos na última ceia? Ele lavou os pés deles. Leia a seguir:

“Jesus sabia que o Pai lhe tinha dado todo o poder. E sabia também que tinha vindo de Deus e ia para Deus. Então se levantou, tirou a sua capa, pegou uma toalha e amarrou na cintura. Em seguida pôs água numa bacia e começou a lavar os pés dos discípulos e a enxugá-los com a toalha.” (João 13:3-5)

Você se lembra o que Jesus disse sobre a maior prova de amor?

“Ninguém tem mais amor pelos seus amigos do que aquele que dá a sua vida por eles.” (João 15:13)

Servir na igreja não é apenas ajudar o culto a funcionar de forma mais organizada. É se colocar à disposição para fazer o Reino de Deus crescer, para impactar outras vidas e ser um canal do amor de Deus para quem precisa.

Servir na igreja é uma forma louvar a Deus

Depois que você aceita Jesus como Senhor da sua vida, fazer parte da igreja é um passo natural. Nela, você aprende mais sobre o caráter do seu Pai, conhece pessoas que compartilham da sua crença e ganha a oportunidade de se tornar uma bênção na vida de outras pessoas.

Servir na igreja é uma forma de louvar a Deus, mas não é a única.

1. Louve a Deus com as suas atitudes

 Romanos 12:1-2 diz assim:

 “Portanto, irmãos, rogo pelas misericórdias de Deus que se ofereçam em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus; este é o culto racional de vocês. Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

O novo nascimento transforma quem você é e, quando você renova a sua mentalidade na Palavra, acontece uma mudança nas suas atitudes sobre as situações e com as pessoas que te cercam. Por isso, a pergunta que aparece é: suas atitudes têm louvado a Deus?

2. Louve a Deus com o seu tempo

Quantas vezes por semana você está na igreja? Como você se programa para participar das atividades?

Nos últimos anos, o distanciamento social mexeu muito com o hábito de estar na igreja. Mesmo com a retomada das atividades, muitas pessoas ainda não voltaram a participar como antes. Contudo, esse afastamento da igreja não reflete a vontade de Cristo para o seu corpo. É o que diz Hebreus 10:25:

“Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas procuremos encorajar-nos uns aos outros.”

O tempo que você passa na igreja te aproxima de pessoas que compartilham da sua fé e abre espaço para você louvar a Deus com as suas habilidades.

Ser parte da igreja é mais que se sentar no banco e ouvir a Palavra.

3. Louve a Deus com as suas finanças

Poder exercitar a generosidade e contribuir para a obra de Deus é um privilégio!

Além de ser uma maneira de honrar a Deus com o nosso dinheiro, os dízimos são um caminho para experimentar o milagre de Deus nas nossas finanças.

“Tragam o dízimo todo ao depósito do templo, para que haja alimento em minha casa. Ponham-me à prova”, diz o Senhor dos Exércitos, “e vejam se não vou abrir as comportas dos céus e derramar sobre vocês tantas bênçãos que nem terão onde guardá-las. Impedirei que pragas devorem suas colheitas, e as videiras nos campos não perderão o seu fruto”, diz o Senhor dos Exércitos.” (Malaquias 3:10-11)

Nossas ofertas louvam a Deus pelas bênçãos que Ele tem derramado em nossa vida financeira. Elas são o reflexo de um coração voluntário e que segue a direção do Espírito Santo.

“O rei Davi disse a toda a congregação: Quem, pois, está disposto hoje a ofertar com generosidade para o Senhor? Então os chefes das famílias, os chefes das tribos de Israel, os capitães de mil e os de cem e até os administradores da obra do rei fizeram ofertas voluntárias (…) O povo se alegrou com tudo o que se fez voluntariamente, porque de coração íntegro fizeram ofertas voluntárias ao Senhor.” (1 Crônicas 29:5,9)

Sirvo na igreja, mas ninguém reconhece. E agora?

Qual foi a sua motivação quando decidiu servir na igreja?

Quando você se coloca à disposição como voluntário na igreja local, não deve fazer isso para impressionar outras pessoas.

Servir na igreja precisa ser uma decisão tomada com base no quanto você compreende o amor de Deus e o preço que Jesus pagou para te ver livre do pecado.

O seu serviço não é para agradar o pastor ou outra pessoa. Sua motivação precisa ser alegrar o coração do seu Pai. Não se esqueça que pessoas são imperfeitas.

“O que vocês fizerem façam de todo o coração, como se estivesse servindo ao Senhor e não as pessoas.” (Colossenses 3:23)

Servir na igreja é uma forma de louvar a Deus pelo amor dEle por você. Por isso, a hora de começar a fazer isso é agora. Se você é membro da Academia da Fé, mas ainda não conhece os nossos ministérios, clique aqui e veja os diferentes setores da nossa igreja.

Gostou do conteúdo? Compartilhe e abençoe a vida de alguém!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.